Dedetização em hospitais e locais delicados

A dedetização é obrigatória a cada 06 meses em estabelecimentos comerciais já é de conhecimento da maioria das pessoas. Essa dedetização deve ser feita para garantir o controle de vetores e transmissões de doenças diversas.

Poucos porém conhecem o trabalho de dedetização que é realizado pelas empresas especializadas como a Atak Insetos dentro de hospitais. Os hospitais são ambientes muito delicados, onde diversos fatores precisam ser levados em conta no controle de pragas.

No ambiente hospitalar geralmente há no entorno jardins e plantas que favorecem a reprodução dos insetos. Dessa forma o controle precisa ser bastante eficiente mesmo não sendo viável a retirada das pessoas do local. A maioria dos prédios não podem ser evacuados para que seja realizada a dedetização.

Dedetização em UTI

Mesmo nas salas de UTI ( Unidade de Terapia Intensiva) são realizados os serviços e para isso são utilizados os mais modernos produtos do mercado. São produtos sem cheiro, em gel, sem nebulização que tornam a aplicação extremamente segura e eficiente.

Quando feita por profissionais especializados a dedetização em hospitais não causa dano algum a saúde de todos os usuários do local, pelo contrário, garante um ambiente sem proliferação de insetos tão preocupantes no ambiente hospitalar.

Todo o ambiente é monitorado e são feitos laudos periódicos para verificar a real necessidade de cada local , usando os produtos sem excessos e de maneira responsável. A dedetização em hospitais é feita com o acompanhamento periódico também da Vigilância Sanitária ou órgãos competentes do local em específico.

dedetização em hospitais

Sempre que é feita a dedetização em hospitais são entregues laudos e certificado de garantia. Estes documentos podem ser verificados sempre que houver dúvida referente a data ou garantia do local visitado. Também é interessante checar se os produtos estão de acordo com a necessidade local.

Dedetização em hospitais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *